X

Proteja sua audição – Esteja ciente do ruído

Hoje é o Dia Internacional de Conscientização sobre o Ruído.

Exposição ao ruído é uma das causas principais da perda auditiva. Apesar disso, muitas pessoas não percebem quando estão prejudicando seus ouvidos. A perda auditiva induzida por ruído (PAIR) pode se desenvolver após uma ocorrência de exposição a um ruído extremo ou após estar exposto continuamente a sons extremos com o passar do tempo.

Todos temos pequenas células ciliadas no ouvido interno (cóclea) que vibram e enviam sinais elétricos para o nervo auditivo, permitindo que você escute. Diferentes grupos dessas células interpretam diferentes frequências de som. Com o passar do tempo, se uma boa parte destas células estão danificadas, ocorre a perda auditiva.

Sons que danificam seus ouvidos

Um ouvido normal e saudável é capaz de ouvir uma gama de frequências de 20 a 20.000 Hz. Porém alguns sons podem causar perda auditiva de longo prazo ou até permanente, alguns instantaneamente e outros após um longo período de exposição.

O som é medido por decibéis (dB). Uma conversa comum ocorre por volta dos 60 dB, o que não é alto o bastante para causar dano. Um show de rock costuma ter por volta de 120 dB, ou seja, começa a causar danos após os primeiros 15 minutos. É simples, quanto mais baixo o volume, mais tempo você pode ouvir sem prejudicar a audição; quanto mais alto o volume, menos tempo leva para um dano ocorrer. Aqui estão algumas variedades de som que você provavelmente não sabia que podiam afetar sua audição:

110 – 180 dB (Leva apenas de 1 a 30 minutos de exposição para causar dano, dependendo do nível)

Show de rock (estando localizado perto dos alto falantes)

Multidão de estádio

Decolagem de avião

Trovão

Sirene de emergência de um veículo

Balão estourando (próximo à orelha)

Fogos de artifício

Airbag de segurança

85 – 100 dB (Leva de 6 a 8 horas de exposição para causar dano)

Trânsito pesado

Música no em volume intenso*

Um bar barulhento

Ar condicionado de janela (perto de você) (O que é isso?? Se não souber, tira fora)

Secador de cabelo

Motocicleta

Brinquedo de apertar (próximo à orelha)

Vagão de metrô (passando)

Como prevenir danos à audição

O jeito mais simples de evitar desenvolver perda auditiva é prestar atenção ao volume do som onde quer que você vá. Escutar a níveis abaixo de 85 db pode te ajudar a preservar sua audição. Se um som está muito alto, evite ficar próximo a ele por muito tempo.

Se tiver dúvidas, você pode sempre usar protetores auditivos**. Para manter sua audição saudável e preservar a alegria de ouvir, é aconselhável marcar uma consulta com um otorrinolaringologista próximo a você.

*Mais de 1 bilhão de pessoas na faixa etária de 12-35 escutam dispositivos eletrônicos em volumes considerados “inseguros”, colocando a si próprios em perigo de perda auditiva permanente, de acordo com um relatório de 2015 da World Health Organization. (http://www.who.int/mediacentre/news/releases/2015/ear-care/en/).

**Um estudo da University Medical Center Utrecht na Holanda descobriu que 42% das pessoas que não usam protetores auditivos experimentam perda auditiva temporária imediatamente após a exposição ao ruído não ocupacional, como shows de música. Entre aqueles que usam protetores de ouvido, o número é de apenas 8%. Além disso, apenas 12% dos participantes do estudo que usaram protetores auriculares apresentaram zumbido após a exposição ao som, em comparação com 40% daqueles que não usaram. (Estudo publicado online em abril de 2016 na revista JAMA Otolaryngology – Head & Neck Surgery.)